- AMERICAN IDOL - THE VOICE US/UK - THE X FACTOR

- ÍDOLOS - THE VOICE BRASIL - THE VOICE KIDS

American Idol 2016: Top 8 Results + Top 6 Performances (S15E18)

American Idol 2016 Top 8 Top 6 S15E18

No American Idol 2016 desta quinta-feira (10), dois participantes foram mandados de volta para casa. Assim como aconteceu semana passada, os três menos votados do Top 8 tiveram que cantar para os jurados, que salvaram uma pessoa do Bottom 3! Quem foi eliminado? Quem está no Top 6? Isso tudo você fica sabendo agora!

Tema do episódio: “The American Idol Songbook”, que é algo como “as músicas mais repetidas do American Idol”.

O programa de hoje ainda contou com a participação de Nick Fradiani, vencedor da temporada passada. Ele se apresentou com “Get You Home”, seu mais novo single.

Leia os comentários do Coloca e assista aos vídeos!

Review – American Idol XV – Finals: Top 8 Results and Top 6 Performances Bottom 3 Judges Save – Nick Fradiani (S15E18) – 10/03 – Episódio completo.

Dueto: La’Porsha Renae e Trent Harmon – “See You Again” (Charlie Puth)

idolometro

Weslley: Cantar o rap não foi uma coisa legal pra La’Porsha e deixar o Trent cantar 90% em falsete foi uma ideia ainda pior!
Marcelo: Meus favoritos da temporada se apresentaram juntos, mas não atingiram a expectativa que eu criei. A música favoreceu muito a voz de Trent, que se sobressaiu o tempo todo. Mesmo assim, quando La’Porsha cantava, MINHA NOSSA!
Conrado: Que coisa cafona esses dois combinando a roupa assim. Sei que muita gente torce para ver essa dupla na grande final, mas a voz do Trent acabou com a La’Porsha nessa apresentação. Se fosse performance solo, ele certamente ganharia uma pimenta. Já a diva sequer conseguiu passar emoção.

Dueto: Sonika Vaid e Avalon Young -“Rise Up” (Andra Day)

idolometro

Weslley: Surpreso com esse dueto. Sonika canta muito, mas Avalon segurou a onda. Foi bem bacana, como diria Glorinha!
Marcelo: Avalão abriu a apresentação e tudo estava lindo. Quando Sonika começou a cantar, a amiga foi engolida e, aí, sim, tudo ficou muito lindo! Foi um bom dueto, mas também teria sido uma boa performance solo da Sonika.
Conrado: Sonika nunca esteve tão linda quanto nessa apresentação. As meninas deram azar de pegar logo “Rise Up”, que foi muito bem interpretada pela Melanie Tierce nas audições do Idol este ano. O pior: esse dueto não chegou nem perto da apresentação da Melanie.

Dueto: Dalton Rapattoni e MacKenzie Bourg – “I Want It That Way” (Backstreet Boys)

idolometro

Weslley: Esse dueto pode ter sido feito pelos dois finalistas do programa, mas, com uma música fácil dessas, eles mostraram como suas vozes são fracas – principalmente MacKenzie.
Marcelo: Que coisa mais morna! O arranjo foi alterado, mas não ficou tão bom. MacKenzie estava visivelmente desconfortável, mas Dalton também não era o mais seguro na performance. Ruim.
Conrado: Eu queria que o MacKenzie ficasse mais solto pelo palco e investisse naquelas dancinhas toscas de sempre, mas ele se escondeu atrás do violão. Ficou quase o tempo todo parado e atrasando a vida do Daltinho, que parecia muito mais confortável com a música.

Dueto: Tristan McIntosh e Lee Jean – “I Don’t Want To Miss A Thing” (Aerosmith)

idolometro

Weslley: Lee Jean berrou, foi muito ruim. Já a Tristan se destacou e foi super bem!
Marcelo: Que coisa mais confusa! Lee Jean tentou tomar a música pra si, mas não conseguiu. Tristan, sem graça, começou num tom muito grave e sem brilho nenhum. Depois, na reta final da canção, ela arrasa naqueles agudos como já era de se esperar. Num todo, prefiro ver Gian & Giovani do que essa dupla aí.
Conrado: Quando até a banda desafina, olha, é motivo pra largar o palco e pedir pra sair do programa. E, se possível, os dois juntos.

VEM, METEORO DA PAIXÃO
O Coloca profetizou o momento que você acabou de assistir.

Primeiro, dissemos isso sobre Tristan, no post “O que esperar do Top 24?”:

“Decepção por ver uma das favoritas da temporada não entregar tudo aquilo que a gente sabe que é capaz”.

Mais tarde, no post “Coloca no Liquidificador do American Idol 2016″, falamos que ela parecia com Alicia Keys e… Luan Santana!

Alicia Luan Tristan

Semanas depois, qual música ela canta? Isso mesmo: “I Don’t Want To Miss A Thing”, a música do meteoro que está prestes a destruir a Terra (‘Armagedom’). O que vemos aqui? Uma clara referência ao cantor sertanejo Luan Santana e a música que o lançou ao estrelato, intitulada “METEORO”! O Coloca jura que não foi intencional, mas fique atento para novas precisões. Por sinal, hoje chove em São Paulo.

La’Porsha Renae – “Come Together” (Beatles)

idolometro

Weslley: Hoje a La’Porsha mostrou um outro lado. Foi fierce, afinada e sem exageros. Ela é realmente muito boa!
Marcelo: Eu amo o que essa cantora representa nos dias de hoje. Nitidamente fora de forma, ela sensualizou numa roupa colada. Dançou perto do Harry, que ficou sem graça. Ah! Sobre a voz, bem, a voz é incrível, né?
Conrado: Adorei a roupa da La’Porsha nessa performance. Gosto quando ela investe nesse lado mais sexy, que é algo muito natural nela. O tema dessa semana é um dos mais ridículos da história do Idol, mas a diva conseguiu puxar a música pro estilo dela e, sinceramente, não vejo como ela poderia extrair mais dessa canção. A única coisa que eu teria evitado era fazer aquele passinho em câmera lenta durante toda a performance. Poderia ter reservado aquilo só para o início da apresentação.

MacKenzie Bourg – “You Are So Beautiful” (Joe Cocker)

idolometro

Weslley: Tinha tudo pra ser incrível, mas a falta de voz contribuiu pra não acontecer o esperado. O jeito como ele terminou a performance, ao menos, foi muito lindo!
Marcelo: Adoro essa música e o estilinho de tudo que o MacKenzie foi na competição. Mas suas versões sempre parecem iguais e eu realmente já me sinto enjoado sobre isso.
Conrado: Deu branco e ele esqueceu a letra no começo ou foi impressão? Um dos maiores problemas do MacKenzie é que ele não consegue se conectar com música dos outros, parece que ele só passa verdade quando canta autoral, mas, nessa apresentação, eu gostei. Ele realmente trouxe frescor pra canção.

Nick Fradiani – “Get You Home”

Trent Harmon – “Stand By Me” (Ben E. King)

idolometro

Weslley: Trent faz escolhas muito previsíveis. O bom é que sempre se apresenta com competência! Sinto vontade de ver o Trent mais voltado pro country soul.
Marcelo: Maravilhoso! Seu timbre é ótimo, especialmente nos agudos com falsete. Admiro a forma como sua voz é uma das que mais se destacam pela originalidade. Grande Trent!
Conrado: Deu tudo errado hoje! Song choice péssima, o começo a capella foi ruim, as caretas voltaram de uma forma muito mais bizarra e as piscadas para câmera quase me impulsionaram a pular da ponte. Pior apresentação do Trent na competição!

Tristan McIntosh – “A Broken Wing” (Martina McBride)

idolometro

Weslley: Quando vi a música, pensei que Tristan se daria mal, mas ela foi bem. Só desafinou duas vezes. Se encontrou na competição, finalmente!
Marcelo: A cada semana que passa, menos ela parece interessante pra mim. Apesar do vozeirão, tudo que ela faz no palco é chato.
Conrado: Já é o vigésimo penteado que a Tristan usa no Idol? Ela desafinou, sofreu pra alcançar as notas e sequer conseguiu chegar lá na nota final, mas a menina acertou em cheio na escolha da música e passou bastante emoção. O jeito, agora, é ir cantando baladas até o dia da final. Ela só não pode sair disso, já que qualquer agitação desequilibra a garota.

Dalton Rapattoni – “Eleanor Rigby” (Beatles)

idolometro

Weslley: O arranjo foi muito rápido, mas Dalton foi correto. Na segunda parte da música, cantou com raiva. Só acho que, se ele continuar com apresentações nesse nível, não terá forças para chegar até a final.
Marcelo: O Daltinho é ótimo, mas especialmente por seu carisma. A voz dele não é unanimidade e já começo a ficar com a impressão de que ele já deveria ter saído do programa.
Conrado: Daltinho fez um ótimo arranjo e fugiu completamente da versão do David Cook. Ele conseguiu tirar leite de pedra nessa performance! Adorei!

Avalon Young – “(PYT) Pretty Young Thing” (Michael Jackson)

idolometro

Weslley: A voz é péssima, o visual está terrível. Mas é autêntica, né?
Marcelo: Adoro o clima da Avalão. Hoje, especialmente, ela estava toda, toda, chamando o público, brincando com a banda… Pinta de artista e com um talento nato!
Conrado: Maravilhosa! Avalon fez a melhor versão que eu já ouvi dessa música. Na realidade, eu só quero ouvir essa música na voz dela daqui pra frente.

Lee Jean – “Let It Be” (Beatles)

idolometro

Weslley: Gemeu mais do que criança doente. Muito ruim!
Marcelo: O vocal não foi impecável, longe disso, mas Lee estava à vontade e parecia sentir cada palavra que dizia. Apesar de estar doente, o verdadeiro motivo de tanto sentimento só foi revelado no final do programa: o jovem disse que estava cantando “Let It Be” para o seu irmão falecido e que essa música sempre aparece em um sonho recorrente que ele tem com o irmão.
Conrado: Que sofrimento. Ele está doente, ok, eu sei, mas não dá pra suportar. Isso foi horrível.

Sonika Vaid – “I Have Nothing” (Whitney Houston)

idolometro

Weslley: Sonika estava lindíssima. Fez mudanças significativas na música, errou uma nota no final, mas foi muito bem.
Marcelo: Maravilhosa! Realmente mostrou a que veio e conseguiu me deixar ainda mais emocionado!
Conrado: Sonika não me tocou no início da apresentação, mas, assim que ela começou a se jogar de corpo e alma na performance, eu entrei na vibe dela e achei tudo excelente. O problema é que ela ainda me passa a sensação de que está em busca da aprovação dos pais e isso é terrível.

Top 6 do American Idol 15 – ordem de revelação (não significa que tiveram mais votos):
1. La’Porsha Renae
2. MacKenzie Bourg
3. Trent Harmon
4. Tristan McIntosh
5. Dalton Rapattoni
6. continua…

Resultados:

Bottom 3 (menos votados): Avalon Young, Lee Jean e Sonika Vaid.

Escolha dos jurados: Sonika Vaid.

Eliminados: Lee Jean e Avalon Young.

Veja também:

Comentários