- AMERICAN IDOL - THE VOICE US/UK - THE X FACTOR

- ÍDOLOS - THE VOICE BRASIL - THE VOICE KIDS

Top Coloca: 12 Melhores Performances do The Voice 9

Top 12 Melhores Performances do The Voice 9

Em 2015, vimos Jordan Smith ser consagrado como o grande campeão do The Voice 9. Para celebrar o fim da nona temporada, o Coloca preparou uma lista com as doze melhores apresentações solo da edição.

12º“9 to 5″Emily Ann Roberts

Em “9 to 5″, Emily mostrou que pode ser extremamente divertida no palco. Bonita, jovem e carismática, ela é quem tem mais chances de fazer sucesso depois do The Voice e essa apresentação serviu para confirmar isso. E eu realmente acredito que ela pode se tornar a nova Taylor Swift ou a nova Carrie Underwood.

11º“We Don’t Have to Take Our Clothes Off”Ellie Lawrence

Em sua primeira aparição no programa, Ellie Lawrence fez uma apresentação deslumbrante. Pena que o resto de sua trajetória não foi tão brilhante quanto a Blind Audition. Ainda assim, ela é dona da segunda audição mais assistida da nona temporada, ficando atrás apenas do vencedor do reality.

10º“Set Fire to the Rain”Jordan Smith

Falar do Jordan Smith é difícil, pois a gente sempre acaba caindo no mesmo lugar. Mais uma vez, ele mostrou seu absurdo controle e alcance vocal. O interessante dessa performance é que podemos comparar o campeão do The Voice 9 diretamente com a Adele – e ainda afirmar que ele não ficou atrás dela.

“Girls Just Want to Have Fun”Madi Davis

Essa performance mostra o quanto Madi Davis merecia estar na final. Ela emocionou com uma versão melancólica de “Girls Just Want to Have Fun”, clássico da Cyndi Lauper. Cenário, arranjo, vocal, enfim, foi uma apresentação irretocável.

“Chandelier”Jordan Smith

Foi nesse dia que nós descobrimos quem seria o ganhador do The Voice 9. Dali pra frente, Jordan Smith só teria ele mesmo como adversário.

“Dancing on My Own”Jeffery Austin

Eu acredito em cada palavra que o Jeffery Austin canta. E isso é algo extraordinário. É curioso ver como ele conseguiu superar a música original da Robyn e ainda deu um baile na versão do Kings of Leon, que foi usada como base nessa apresentação.

“Hotline Bling”Amy Vachal

Em uma performance hipnotizante, Amy Vachal precisou de apenas dois segundos para transportar todos para o seu mundo particular. É o tipo de apresentação que não dá pra enjoar.

“Songbird”Madi Davis

O controle vocal da Madi Davis é muito bom. Eu sequer conhecia a música e mesmo assim ela conseguiu me comover com essa performance. É incrível lembrar que ela tem apenas 16 anos de idade e já manifesta uma personalidade tão forte.

“Great is Thy Faithfulness”Jordan Smith

Jordan Smith resolveu mostrar que é autossuficiente nessa apresentação. Ele iniciou a performance a cappella e, lá pra metade, começou a tocar piano. Vocais incríveis, como de costume, e uma interpretação emocionante.

“Burning House”Emily Ann Roberts

Para cantar “Burning House”, da Cam, Emily saiu da zona de conforto e foi de uma menina doce para uma modelo da Victoria’s Secret. A jovem de 17 anos conseguiu entregar toda a carga dramática exigida pela letra da canção. Foi a melhor apresentação da final e a melhor performance dela na temporada.

“Make It Rain”Jeffery Austin

Em uma performance visceral, Jeffery deixou o coração no palco ao interpretar “Make It Rain”. Vê-lo entre os menos votados trouxe sofrimento para quem é fã do cantor, mas também aflorou o melhor do participante, que buscava por uma vaga na grande final.

“Somebody to Love”Jordan Smith

Não tinha como o primeiro lugar da lista ficar com outra pessoa. Jordan acertou todas as notas, foi aplaudido de pé e ouviu seu técnico, Adam Levine, dizer que essa apresentação foi uma das melhores coisas que ele já viu em toda sua vida.

Veja também:

Comentários